[ editar artigo]

Os fatores da inovação

Os fatores da inovação

Antes de se falar em inovação no Brasil, precisamos entender o cenário atual, que ainda está longe de ser caracterizado como pós-Covid. Na realidade, estamos enfrentando a pior fase da crise sanitária. Estamos, é claro, na esperança de um fim próximo, acelerado pela vacina, mas as expectativas para o Brasil não são animadoras. O melhor cenário indica que deveremos demorar de oito a 10 meses para a maioria da população ser vacinada, ou seja, o cenário pós-Covid deverá chegar somente em 2022.

Quanto ao posicionamento estratégico sobre inovação no Brasil, há inúmeras ações fomentando a digitalização de diversos serviços e programas públicos, lideradas, principalmente, pelo Governo Federal, dentro da iniciativa gov.br. Essas ações, obviamente, removem diversas burocracias e agilizam os serviços destinados tanto a pessoas físicas como jurídicas.

A combinação de diversos fatores resulta na criação de um ambiente propício a investimentos ligados à inovação, como as startups. Observe-se:

  1. Investidores passaram a procurar alternativas de ganho devido à redução drástica das taxas de juros no Brasil, colocando um fim no ganho fácil no mercado financeiro.
  2. O Brasil ficou barato para os investidores estrangeiros; a perda de confiança no governo brasileiro levou a uma agressiva desvalorização do real.
  3. Excesso de liquidez no mundo.
  4. A indústria de private equity e venture capital investiu cerca de R$ 23,6 bilhões em 2021.
  5. O mercado espera que 2021 seja ainda melhor para essas empresas tecnológicas. Segundo a Dataminer, foram investidos mais de US$ 600 milhões no setor só em janeiro, o que indica que os números deste ano podem superar com folga o desempenho visto em 2020.
  6. Apesar de o Brasil ter caído da nona para a 12ª economia mundial, devido à desvalorização cambial, o país é considerado um mercado de grande potencial a longo prazo.
  7. Novas previsões indicam um crescimento do PIB acima de 3% em 2021.
  8. O Brasil tem um parque industrial significativo e é o segundo em agronegócio.
  9. O Brasil tem cerca de 150 milhões de usuários de internet, um dos maiores mercados do mundo.
  10. O Brasil é o terceiro país em número de usuários do Instagram e quarto do LinkedIn, sendo 77 milhões e 39 milhões de usuários, respectivamente.
  11. O Brasil é o segundo país do mundo em tempo de conexão em mídias sociais.

Os indicadores existentes apontam que o Brasil teve um ganho em seu índice de inovação. Em 2019, estávamos na 66ª posição no Global Innovation Index. Em 2020, chegamos ao 62° lugar.

Dois outros importantes fatores colaboram para essa tendência positiva: a afirmação do Fórum Econômico Mundial, colocando o Brasil entre os cinco hubs de inovação que devem ser acompanhados para além do Vale do Silício, e a fala do Andrew Wyckoff, diretor de ciência, tecnologia e inovação da OCDE, durante o evento OECD Reviews of Digital Transformation: Going Digital in Brazil em outubro de 2020, que disse que a transformação digital é um importante vetor para retomada do crescimento da economia brasileira.

Governança & Nova Economia
Ler conteúdo completo
Indicados para você